fbpx
Trocar iPhone ou mandar para o conserto? Descubra qual a melhor opção - iHelpu

Trocar iPhone ou mandar para o conserto? Descubra qual a melhor opção!

Ter um iPhone traz uma verdadeira comodidade para o nosso dia a dia, pois, com sua característica versátil, o aparelho nos permite agilizar a realização de várias tarefas.

No entanto, após certo tempo, é normal que o smartphone comece a apresentar problemas.

Segundo a Apple, a vida útil do iPhone é de, em média, três anos. É possível que o aparelho ultrapasse essa estimativa, mas, com o passar do tempo, seu desempenho cai.

Neste texto, vamos mostrar os principais problemas que atingem esse smartphone, bem como o que você precisa saber para escolher entre levar para o conserto ou trocar iPhone. Vamos começar?

Problemas que podem indicar a necessidade de trocar o iPhone

Travamentos constantes

Quando a tela do iPhone começa a travar, há algo errado. Esse é um dos primeiros problemas que o iPhone costuma apresentar quando não funciona corretamente.

O congelamento da tela pode ocorrer durante o uso de determinados aplicativos ou mesmo durante a realização de funções básicas, como mandar mensagens de texto ou fazer ligações.

Em casos mais simples, os travamentos ocorrem quando há pouco espaço de memória disponível. Assim, fazer um backup dos seus arquivos pode solucionar o problema.

Se o aparelho trava quando você utiliza determinado aplicativo, pode ser que desinstalá-lo resolva.

Desligamento repentino

O uso de aplicativos ou jogos que utilizam muito espaço de memória pode tornar o sistema mais lento, o que leva ao desligamento espontâneo do iPhone.

Esse é um mecanismo para proteger a memória do aparelho e preservar suas funções.

Se você não que desinstalar os aplicativos que demandam muito do sistema, é recomendado fazer a troca por um novo iPhone com uma quantidade maior de memória disponível.

Impossibilidade de atualizar o sistema

Com o envelhecimento do iPhone, chega um momento em que a atualização do iOS não é mais recomendada. Se for realizada, pode deixar o funcionamento do aparelho mais lento e, assim, aumentar a chance de outros problemas acontecerem.

Além disso, com o passar dos anos, as atualizações deixam de ser disponibilizadas pela Apple para os celulares mais antigos. Assim, os recursos do seu aparelho ficam limitados, além de não ser possível instalar aplicativos que requerem as versões mais recentes do sistema.

Sem a instalação das novas versões do iOS, o iPhone também fica exposto a riscos de segurança e torna-se mais suscetível a erros, já que os problemas não serão corrigidos pelas atualizações.

Aquecimento constante

Uso do GPS, ligações de longa duração e utilização prolongada de aplicativos são fatores que levam a um aquecimento normal do iPhone. No entanto, se esse problema vem acontecendo constantemente e vem acompanhado de travamentos ou desligamentos repentinos, é sinal de que a vida útil do aparelho está chegando ao fim.

O superaquecimento do smartphone também pode estar relacionado à alta temperatura ambiente. Por isso, evite a exposição prolongada do aparelho ao sol.

Bateria durando menos que o normal

As baterias do iPhone utilizam íons de lítio, que permitem um melhor desempenho em relação aos celulares antigos. No entanto, após alguns anos, o envelhecimento da bateria leva à redução de sua capacidade de carga. Com isso, passa a ser necessário carregar o celular com frequência.

Nesse caso, tem-se a opção de trocar a bateria. Para isso, procure uma assistência técnica especializada e somente utilize itens originais da Apple. No entanto, a troca sucessiva da bateria não irá deixar o desempenho do seu iPhone próximo de um aparelho novo. Por isso, após certo tempo, é indicado adquirir um novo equipamento.

Danos físicos acentuados

Se o seu celular sofreu um impacto e a tela quebrou, a Apple não autoriza o conserto em certos casos. Quando falta um pedaço do vidro que reveste a tela do celular ou quando a carcaça está muito envergada, essa situação pode ocorrer. Esse momento é um indicativo para a compra de um novo celular.

O que levar em conta ao escolher entre o conserto ou a troca do iPhone

Os iPhones estão entre os celulares mais caros do mercado. Por isso, todos nós sabemos que comprar um desses aparelhos traz um alto gasto financeiro. Logo, antes de adquirir um novo iPhone, vale a pena levá-lo para o conserto e ter a opinião de um técnico.

Encaminhar o iPhone para reparos tem se tornado cada vez mais comum. Com a expansão das assistências técnicas, o conserto dos aparelhos tem trazido bons resultados. Mas, é importante escolher uma loja especializada em conserto de iPhone.

Devido às especificidades do produto, não é recomendado levá-lo a estabelecimentos de assistência técnica geral.

O conserto do iPhone traz a vantagem financeira, pois tem menor custo que a aquisição de um novo item. Se o produto estiver dentro do prazo de garantia fornecido pela Apple, cujo período é de um ano, os reparos saem de graça para o usuário.

Caso defeitos de fabricação sejam identificados dentro desse período, o celular com problemas é substituído por um novo.

Vida útil do iPhone

No entanto, é importante lembrar que o iPhone tem sua vida útil e que, com seu envelhecimento, o desempenho chega a um limite.

O processamento de dados torna-se mais lento, a câmera perde sua qualidade e outras quedas de performance ocorrem.

Além disso, novos aplicativos não podem ser instalados após certo tempo de uso do iPhone, devido à impossibilidade de atualizar o sistema. Assim, a partir de um determinado momento, não é mais viável levar o celular para reparos.

Finalmente, é importante fazer o descarte correto do seu iPhone quando for comprar um novo. As assistências técnicas especializadas e lojas próprias da Apple recebem os aparelhos inutilizados e os encaminham para a reciclagem.

Vale lembrar que o iPhone é altamente reciclável, o que reduz seu impacto no meio ambiente.

Portanto, a melhor opção entre trocar iPhone ou mandar para o conserto varia caso a caso. O nível de complexidade dos problemas apresentados pelo aparelho define se o reparo pode trazer a solução ou se a compra de um iPhone novo é o mais indicado. Tenha em mente que a qualidade das funções desempenhadas diminui com o passar dos anos, por isso, é esperado que erros sejam mais frequentes após certo tempo de uso.

Agora que você já tem as informações necessárias para decidir o que é melhor para corrigir erros do seu iPhone, que tal conhecer nossa loja online? Temos diversos itens para tornar sua experiência com o produto ainda melhor!

Post a Comment