fbpx
Saiba como escolher o melhor carregador portátil - iHelpU

Saiba como escolher o melhor carregador portátil

As pessoas estão cada vez mais dependentes dos smartphones e um aparelho descarregado pode significar permanecer desconectado de tudo e de todos. Por isso, o carregador portátil, ou power bank, passou a ser um acessório cada vez mais procurado pelos usuários. Entretanto, cada modelo atende a diferentes tipos de necessidades que variam de acordo com o perfil do indivíduo.

Mas antes de realizar a compra de um power bank, como o acessório pode ser chamado, certos aspectos técnicos devem ser levados em conta. Saber a capacidade, a velocidade de carga e a conexão é essencial. Acompanhe este breve guia que vai auxiliar na hora de encontrar o modelo perfeito.

Homologação da Anatel

Antes mesmo de se aprofundar, o comprador precisa ficar atento se o modelo de carregador é homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Esse é um importantíssimo certificado de segurança para o usuário, pois garante que o acessório segue as normais brasileiras. Assim, ambos os aparelhos estarão livres de problemas, como o superaquecimento, por exemplo.

Capacidade de carga

Um carregador portátil guarda uma carga de energia medida em miliampère-hora (mAh). Essa capacidade representa o quanto ele pode recarregar a bateria do aparelho. Por exemplo, um acessório com 2500 mAh vai fornecer apenas uma carga completa para um smartphone com bateria de 2500 mAh de armazenamento.

A dica é encontrar um modelo que tenha uma capacidade igual ao do celular para que ele forneça uma recarga de 100% da bateria. Caso a rotina exija que a pessoa fique longe por muito tempo das tomadas, a sugestão é um acessório de até 10500 mAh para fornecer mais energia e, consequentemente, mais autonomia.

Potência da bateria

Esse é outro aspecto importante no momento da compra, pois está ligado com a velocidade de recarga. Medida em watts (W), a potência do acessório precisa fornecer uma corrente elétrica que se adeque aos valores nominais da bateria do smartphone. Se for menor, a carga não acontecerá.

E quanto maior a potência, mais rápido o aparelho será carregado. Essas informações podem ser encontradas na caixa ou no manual do celular. Depois, é só conferir os detalhes do carregador portátil para saber se ele é adequado para o aparelho.

Conexões

Além de indicar a compatibilidade dos aparelhos, as conexões influenciam na velocidade da recarga. Atualmente, uma grande fatia do mercado de smartphones tem entradas micro USB e talvez o próximo passo seja adotar as portas USB-C, com maior velocidade de transferência de energia.

Enquanto isso, os aparelhos fabricados pela Apple possuem a entrada Lightning. E por ser uma parte menor do mercado, existem acessórios bem específicos para iPhone. Por outro lado, existem modelos de carregador portátil com adaptador para diferentes conexões, para não deixar ninguém sem bateria.

Carregamento via Wireless

Para quem não quer ficar limitado aos fios, uma tecnologia que vem crescendo no mercado é a recarga sem fio – ou wireless. Até o momento, são poucos smartphones e modelos de carregadores portáteis disponíveis e sua desvantagem é que a carga acontece de forma mais lenta. Contudo, não deixa de ser uma opção.

Encontre seu carregador portátil

Sem dúvida, após essas dicas ficou mais simples analisar qual tipo de carregador portátil se adapta à rotina de cada pessoa. E, ao contrário do que muitos pensam, existem modelos com preços bem econômicos em lojas virtuais. Ou seja, não tem mais desculpas para ficar com o celular descarregado.

Por isso, não deixe de visitar o site da iHelpU. Certamente terá um modelo com o melhor custo-benefício para o seu aparelho smartphone. Isso sem contar o serviço de assistência técnica especializada.

Post a Comment