iPhone molhou

Meu iPhone molhou, o que devo fazer?

Com o avanço da tecnologia e dos smartphones, tem sido cada vez mais atraente para o usuário ficar horas utilizando-os sem parar, inclusive em lugares onde há risco de quebrar e/ou molhar o celular. E se seu iPhone molhou, você sabe o que fazer?

 

O maior perigo quando isso acontece é o fato de tendermos a escutar nossos amigos e familiares, ou seja, o senso comum. Com isso, corremos o risco de estragar ainda mais o aparelho, porque muitos dos procedimentos que dizem para fazermos são incorretos ou inconsistentes.

 

Dessa forma, se o smartphone estiver na garantia, há uma grande chance de as lojas de manutenção autorizadas não aceitarem cobri-la, pois, quando ele molha por inteiro e entra água no dispositivo, um indicador encontrado bem na entrada do fone de ouvido muda para a cor vermelha, sendo visível aos olhos de qualquer pessoa que saiba desse detalhe.

 

 

 

 

Sabendo disso, mostraremos uma série de dicas para que você não cometa qualquer erro que estrague ainda mais seu iPhone ou até inabilite o smartphone. Acompanhe conosco!

 

 

Preparar o aparelho logo depois que o iPhone molhou

De imediato, não é recomendável ligar o aparelho após ele cair na piscina, poça ou ficar molhado de outra forma, principalmente se ele se desligar automaticamente. Se fizer isso, vai enviar uma corrente elétrica que queimará todo o sistema interno, ou seja, causará um curto-circuito. Assim, precisará trocar todos os componentes do celular, sendo mais fácil comprar um novo, nesse caso.

 

Retire qualquer equipamento externo que estiver no celular, como capinha de proteção, fone de ouvido, suporte, chip e outros itens que possam atrapalhar os procedimentos posteriores.

 

Logo depois que o iPhone molhou, leve-o até um recipiente com arroz cru e deixe-o submerso por aproximadamente 24 horas. Não há problema se passar um pouco desse tempo. Não há necessidade, também, de abrir o smartphone. Fazendo desse modo, o arroz cumprirá o trabalho de absorver toda a umidade, deixando-o seco como antes.

 

Utilizar sílica gel é uma alternativa eficaz, com a mesma função do arroz e resultados melhores. No entanto, não é fácil encontrá-la em grandes quantidades. O próximo passo é levá-lo à assistência, para o técnico avaliar se não danificou nada mais.

 

Não recomendamos expor o dispositivo a vapores d’água, como quando estiver tomando banho ou na praia. É preferível deixá-lo dentro de casa para que a maresia não afete mais ainda o aparelho por dentro. Secadores de cabelo, além de tudo, são muito perigosos, pois o aquecimento pode causar danos irreparáveis. Por sorte, os iPhones têm a vantagem da bateria integrada, com menos espaço para infiltrações.

 

 

Encontrar assistência especializada

Em geral, todas as grandes cidades e algumas periféricas têm, pelo menos, uma assistência especializada da Apple, seja diretamente pelas suas lojas ou pelas autorizadas.

 

É possível, em algumas dessas lojas, inclusive, enviar seu aparelho por meio dos Correios. O mais importante, nesse caso, é não colocar o celular nas mãos de qualquer um que se diga técnico de manutenção.

 

A partir do momento em que entregar o iPhone para o conserto, tenha paciência e entenda que, muitas das vezes, o prazo que o profissional estipular pode ser estendido pela dimensão do problema. Mesmo assim, caso ele não precise encomendar peças atípicas, o período de 15 dias é o máximo que precisam para resolver a situação.

 

Pode demorar todo esse tempo pelo fato de, após verificado e supostamente ter resolvido o problema, ainda ser necessária a fase de testes, analisando microfones, bateria, os botões (se houver), câmera e sistema operacional.

 

O valor desse serviço que será prestado é outro fator que não tem como saber ao certo, pois isso vai variar de acordo com a necessidade. Por exemplo, se a placa-mãe do aparelho estiver queimada, é melhor a pessoa se preparar para um preço bem acima do normal, chegando a custar o valor de um smartphone novo.

 

Já dispositivos simples, como placa de som, são mais accessíveis, sem pesar tanto no bolso de uma pessoa de classe média. O que não podem ocorrer são preços abusivos. Portanto, vale pesquisar bastante antes.

 

Devemos nos conscientizar sobre essa necessidade de encaminhar o iPhone até a assistência técnica, pois, como apresentado em todo conteúdo, quando molhamos o dispositivo, podemos apenas prevenir uma piora dos componentes internos ou ter ações que amenizem os danos causados ao aparelho.

 

Uma diferença que pode ser crucial dentro de uma assistência é o banho químico, procedimento realizado dentro de uma banheira ultrassônica. Ela é capaz de retirar os itens oxidados que se encontram em estado de ferrugem no aparelho, além de secá-lo por inteiro.

 

Seu modo de usar é basicamente por meio de ondas sonoras que despregam a sujeira encrustada e outros itens que estejam influenciando negativamente o funcionamento do iPhone. Esse processo é tão eficiente que utiliza-se não só para dispositivos eletrônicos, como em joias e armamentos.

 

 

Verificar se é um aparelho resistente à água

Existem, ainda, aqueles iPhones que tem impermeabilidade, sendo eles os mais recentes, como o 8 e 8 Plus, o X e, agora, os novos Xs, Xs Plus e Xr. Esse benefício implantado nos novos smartphones da Apple vieram para dar um certo alívio e conforto ao usuário, pois, na maioria das vezes, só é preciso limpar e tirar o líquido que estiver em sua superfície.

 

Entretanto, não se engane por essa vantagem, pois, como o próprio nome já indica, ele é apenas resistente, podendo estragar da mesma forma se exposto à água ou a outro componente líquido por um tempo razoável, e se mergulhado também.

 

A média de celulares que são recuperados é de 50%, uma porcentagem relativamente alta se for considerar os riscos de dano. Alguns podem ficar com sequelas irreversíveis ou não terem mais chances de conserto. Lembre que, se qualquer desses casos acontecer, não tente abri-lo ou consertá-lo em casa, pois depois que o iPhone molhou poderá excluir quaisquer chances de conserto que ainda existirem.

 

E aí, leitor? Gostou de aprender a recuperar o aparelho, caso seu iPhone tenha se molhado? Isso aconteceu com você nesse momento e quer ajuda para resolver seu problema? Então, não perca tempo e entre em contato conosco

Post a Comment