fbpx
integracao entre aparelhos apple

Conheça a integração entre aparelhos Apple

Muitos de nós somos de uma época em que tudo era feito manualmente, sem interconectividade, tendo que utilizar cada aparelho separadamente. Acontece que, com a integração entre aparelhos Apple, tudo isso mudou radicalmente.

 

Esse mecanismo recebe o nome de “Continuidade” e permite que tudo o que estiver sendo feito em um dispositivo, possa ser executado em outro também, por exemplo, conectando um iPhone e um iPad. Assim, a produtividade do usuário pode render muito mais do que se permitia, pois os aparelhos trabalham juntos e, assim, alcançam resultados diferenciados. Com a velocidade e boa comunicação que possuem os aparelhos da Apple, independente se mais novos ou não, é até empolgante ver esse sistema funcionando.

 

 

 

 

Gostou do que viu até aqui? Então, continue com a gente, porque agora vamos mostrar todas as funcionalidades, os muitos benefícios que elas podem trazer e, ainda, como fazer a sincronização entre os dispositivos. Confira!

 

 

Integração entre aparelhos Apple

Para os executivos, essa integração é um excelente instrumento, podendo interligar um MacBook a uma Apple TV e permitir, por exemplo, que apresentações sejam feitas diretamente do computador para a tela maior.

 

Além disso, pode dar-se continuidade a uma tarefa que estava sendo feita em um aparelho e terminá-la em outro, sem problema algum. Portanto, ela atende muito bem, também, aos workaholics (pessoas que vivem em prol do trabalho), que sempre estão desenvolvendo projetos complexos e não têm muito tempo sobrando.

 

Quando se trata de fotos, sincronizando-as com o iCloud, o espaço e armazenamento ficam otimizados de uma maneira surreal, pois a ferramenta compacta o tamanho das imagens somente para exibição na galeria.

 

 

Isso torna o aplicativo muito mais rápido e eficiente, pois só carrega a foto original no momento em que ela é aberta.

 

 

Tela quebrada iHelpU

 

 

E ainda, as fotos são organizadas automaticamente de acordo, inclusive, com o aparelho que está sendo usado no momento, separando-as em pastas para não serem confundidas e tornando-as de fácil utilização e busca.

 

Além disso, com o sistema “Continuidade”, você não perde aquilo que estava fazendo em outro dispositivo, muito menos precisa recomeçar tudo por ter trocado de aparelho. Por exemplo, se estiver digitando alguma mensagem no seu iPhone e quiser migrar para o iPad, continuando exatamente de onde parou, é possível. Ligações e e-mails têm a mesma possibilidade.

 

 

Funcionalidades

 

Configurando o Handoff

Para que o programa funcione corretamente, é necessário que o aparelho possua os requisitos adequados que aceitem o “Continuidade”. Quando os dispositivos da Apple estiverem próximos uns dos outros, siga os seguintes passos:

 

 

1. Primeiramente, os dispositivos terão que já estar logados no iCloud, com os mesmos dados do ID Apple. Para saber qual é a conta, vá em ConfiguraçõesGeralID Apple.

 

2. Ligue o Wi-Fi de ambos os aparelhos que estiver utilizando no momento.

 

3. Ative o Handoff dos dispositivos:

  • no MacBook, vá em “Menu”, acesse as “Preferências do Sistema”, clique em “Geral” e selecione a opção “Permitir Handoff entre este Mac e seus dispositivos iCloud”;

 

  • em iPhones, iPods ou iPads, toque em “Ajustes”, vá em “Geral”, depois “Handoff” e ative-o;

 

  • para Apple Watch, basta ir no aplicativo no aparelho, selecionar “Geral”, e selecionar o Handoff.

 

4. Agora, escolha um app que seja compatível e abra-o (dentre os vários, os mais conhecidos são: Safari, Mail, Calendário, Contatos, Keynote e Mapas).

 

5. Basta começar uma tarefa ou executar o programa que já estará pareado.

 

6. Caso queira continuar no Mac, terá que clicar no próprio ícone referente ao aplicativo no Dock.

 

7. Se a intenção for permanecer no iPad, iPhone ou iPod, é preciso desbloquear o aparelho. Feito isso, acione a opção Multitarefas e, para completar, dê um toque no banner que aparecerá na parte de baixo da tela do dispositivo.

 

 

Configurando o iTunes

Neste app, você poderá escutar músicas, ver vídeos, fotos e demais mídias em dispositivos pareados. É possível fazer isso da seguinte maneira:

 

 

1. Veja se a versão do seu iTunes é a mais recente.

 

2. Com o cabo USB, conecte o aparelho ao MacBook. Na tela do computador, será exibido um ícone na parte superior esquerda, no próprio aplicativo.

 

3. Clique no ícone, vá nos “Ajustes”, no canto esquerdo, e confira todas as possibilidades de sincronização disponíveis. Lembre-se que só aparecerão opções que tenham algum tipo de conteúdo.

 

4. Depois de selecionado o conteúdo que deseja usar, deixe ativa a caixa da opção “Sincronizar Músicas”. Pode ser que ela já esteja marcada e, nesse caso, não é preciso fazer nada a respeito.

 

5. Caso esteja sincronizado com outro dispositivo, clique em “Excluir e Sincronizar” e o app substituirá os aparelhos.

 

6. Após sincronizado, é possível personalizar certos ajustes. Isso é bom para confirmar que o dispositivo está completamente pareado.

 

7. Estas três últimas fases terão que ser repetidas para cada conteúdo que desejar executar.

 

8. Para finalizar o procedimento, basta clicar em “Aplicar”, na parte de baixo da tela no canto direito, e, assim, as modificações feitas serão salvas. Se não funcionar, clique em “Sincronizar”.

 

 

Cabo carregador certificado Apple

 

 

Configurando ligações

É sempre bom lembrar que os avisos sobre compatibilidade falados anteriormente servem, também, para esse tópico. Veja como configurar as ligações:

 

 

1. Inicie, nos dispositivos, a sessão no iCloud com a mesma conta.

 

2. Faça o mesmo com o FaceTime.

 

3. Ative o Wi-Fi dos aparelhos, na mesma rede.

 

4. Vá em “Ajustes” no seu iPhone, selecione o “Telefone”, depois “Outros Dispositivos” e escolha a opção “Permitir Ligações”.

 

5. Já no iPod ou iPad, vá em “FaceTime”, nos ajustes, e ative a mesma opção anterior.

 

6. Com o MacBook, é necessário abrir o aplicativo FaceTime, ir em “Preferências” e, então, fazer o processo.

 

 

Dentre todos os processos que podemos fazer com o “Continuidade”, esses são os principais que utilizamos frequentemente. É garantido que sua rotina diária ficará muito mais dinâmica com esses três tipos de configuração. A produtividade também será diferenciada.

 

Vale lembrar que, além dos aparelhos convencionais que estamos acostumados a usar, é possível estabelecer a integração entre aparelhos Apple diversos, como o Time Capsule, o Apple CarPlay, entre muitos outros!

 

E aí, gostou de aprender sobre a interconectividade dos dispositivos? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter e receber mais conteúdos superinteressantes como esse!

Post a Comment